Projeto Estrutural

Por Alcance Engenharia Jr.

O que é um Projeto Estrutural?

O projeto estrutural é uma das etapas mais importantes de toda construção, pois garante que a construção ficará de pé. Através de cálculos o engenheiro responsável definirá quais as dimensões e também qual estrutura é a mais adequada para o seu projeto, pois para cada terreno e/ou cada de edificação será necessário um tipo específico de estrutura. De forma simplificada, é o projeto responsável pelo dimensionamento da estrutura que sustenta a edificação (vigas, lajes, pilares, fundações, etc.).

Quais as vantagens que o projeto estrutural traz à obra?

Segurança da edificação

É evidente que um projeto estrutural bem feito oferece mais qualidade à obra, principalmente no que diz respeito à segurança da edificação e de todos os envolvidos. Uma vez que o cálculo correto dos dimensionamentos faz com que ocorram menos imprevistos, tornando o trabalho humano e do maquinário mais seguro. Além disso, todo projeto estrutural é assinado por um engenheiro civil devidamente habilitado junto ao Conselho Regional de Engenharia e Agronomia – CREA. Este profissional assume a responsabilidade técnica pela estrutura projetada. Assim, o proprietário e os profissionais que executam a obra estão protegidos contra quaisquer falhas no desempenho da estrutura projetada.

Economia no uso dos materiais

A redução de custos é uma preocupação, pois, muitas vezes, é difícil manter o controle sobre tudo o que acontece nos canteiros de obras. Por isso, o projeto estrutural é importante, porque é ele que delimita o uso de materiais de acordo com o que foi calculado para a execução da obra. Sendo assim, há economia no uso de equipamentos, materiais e mão de obra. É muito comum, as pessoas construírem casas sem um projeto estrutural alegando que o empreiteiro sabe dimensionar a estrutura. Entretanto, o que mais se vê são estruturas superdimensionadas, como casas de 2 pavimentos construídas com estrutura dimensionada como se a construção fosse um prédio. É provável que a casa não caia, mas você já parou para pensar que o valor investido foi muito maior do que o retorno?

Futuras manutenções facilitadas

Um projeto bem planejado pode contar com facilidades que visam agilizar manutenções. Já que com tudo detalhado no papel, a estrutura em si se torna mais fácil de compreender e identificar. Isso sem falar que o projeto estrutural pode prever futuras ampliações. Um diferencial e tanto para que a obra se torne mais flexível e personalizada no presente e no futuro.

O que preciso saber antes de começar um projeto estrutural?

Projeto Arquitetônico

O projeto arquitetônico é o que vai determinar a elaboração dos projetos complementares. Entretanto, muitas vezes o projetista recebe
somente o projeto já aprovado na prefeitura, que sofreu um longo e burocrático processo até sua aprovação. Por conta disso, o arquiteto e o proprietário dificilmente aceitam realizar mudanças na arquitetura para melhor adaptação ao projeto estrutural. Por isso, é muito importante que o responsável pelo projeto estrutural comece a trabalhar logo cedo, inclusive enquanto o projeto arquitetônico está sendo desenvolvido, oferecendo uma solução estrutura de acordo com as ideias do arquiteto e do cliente, poupando trabalho.

Sondagem do terreno

A sondagem do terreno está diretamente relacionada à segurança da obra. Dessa maneira, deve ser feito mesmo em projetos de pequeno
porte. Além disso, esse documento ajuda a evitar gastos desnecessários, já que incertezas quanto ao dimensionamento serão sanadas. Se, mesmo assim, o cliente não quiser realizar a sondagem, converse com ele e mostre casos reais de como essa “economia” poderá custar
bem caro em longo prazo.

Levantamento Topográfico

Normalmente não precisa ser realizado em todas as obras, porém, caso o terreno seja acidentado é de grande importância que seja feito. Nesses casos, o estudo definirá as estruturas de contenção necessárias e as cotas das fundações. O profissional poderá visitar pessoalmente o terreno ou solicitar fotos para o cliente, analisando se existe ou não a necessidade do levantamento. Saiba mais sobre levantamento topográfico clicando aqui.

Macroambiente da obra

A norma NBR 6118 exige que o engenheiro defina a classe de agressividade da construção, considerando os aspectos geográficos e
ambientais. Assim, é preciso definir se a sua obra será realizada em ambiente urbano, rural, industrial ou marinho, pois cada macroambiente influenciará no comportamento de sua estrutura ao longo do tempo.

Preferências do cliente

Conversar com o cliente é indispensável em qualquer fase da obra e no projeto estrutural isso não é diferente. Lembre-se que a obra é do
cliente e por isso é importante conhecer as expectativas dele antes de realizar o projeto estrutural.

Sistema estrutural ideal

A partir da coleta das informações acima e outras. O engenheiro, e parceria com o arquiteto, poderá definir o sistema estrutural mais
indicado. Os mais usados são:

  • Alvenaria estrutural;
  • Concreto armado;
  • Estrutura metálica;
  • Parede de concreto;
  • Concreto protendido.

 Após esta fase, será realizado o cálculo da estrutura, considerando processos de análise estrutural, softwares e normas específicas para cada sistema estrutural. Depois de todas essas etapas cumpridas, será possível entregar o projeto final ao cliente e ao arquiteto. Em alguns casos, o projeto estrutural ainda poderá ser acompanhado do memorial descritivo e da planilha de quantidades.

Quer saber mais sobre o projeto estrutural? Fale conosco!